Descobertas musicais de junho

Mês passado assinei o Spotify Já amava e tudo só melhorou. Agora ficou muiiito mais fácil escutar as músicas que quero aonde quer que eu esteja.

O Spotify também oferece todo domingo uma playlist chamada Descobertas da semana, feita pelo próprio aplicativo com as músicas e artistas recomendados para mim de acordo com o que escutei anteriormente. Nessa descobri quatro pérolas que ouvi o mês inteiro:

Børns

Vamos começar pelo o que eu mais gostei. O Børns estava na primeira lista de Descobertas da semana e foi o grande protagonista do mês no meu celular.
Descobertas Musicais de Junho: foto do Børns

Ele tem um pop gostosinho, fácil de ouvir. A música Electric Love é super dançante e me lembra T. Rex (que eu amo também).

Mas a minha preferida é Fool, a última faixa do álbum Dopamine e que hoje é a faixa do meu repeat. Ela não tem videoclipe, então peguei um vídeo com ela ao vivo SENSACIONAL.

E para finalizar American Money, numa versão mais calminha que a do álbum. A voz dele é maravilhosa (inclusive ao vivo).

Não vejo a hora desse moço vir pro Brasil ♥♥♥

Saint Motel

Vamos agora pro segundo mais escutado do mês. Eu já havia escutado essa banda antes na 89fm e não dei muita bola, mas depois que fomos apresentados pela segunda vez me apaixonei!
Descobertas Musicais de Junho: foto da banda Saint Motel em um corredor de hotel

Me viciei nessa música que se chama My Type, ouvi no repeat sem parar por umas duas semanas.

Um fato interessante é que tanto Fool do Børns quando essa My Type do Saint Motel fazem parte da trilha sonora dos FIFAs da vida (sim, os jogos), que é outra fonte ótima para descobrir bandas novas.

Low Cut Connie

Aqui está um moço que se acha a reencarnação do Jerry Lee Lewis. Vou ser obrigada a dizer que não acho não, mas ainda assim o sonzinho dele é muito bom! Esse eu descobri graças à playlist de Descobertas da semana do meu namorado, com a música Rio, super gostosinha com aquele piano clássico de rockezinho dançante (rs).
Descobertas Musicais de Junho: foto de Low Cut Connie bebendo cerveja

Eu não achei nenhum vídeo descente de alguma música dele que eu tenha escutado nesse último mês, por isso que eu não coloquei. Vi um ao vivo da música Rio, mas achei que perdeu muito do gravado em estúdio. Por isso vamos direto de Spotify:

Twenty One Pilots

Essa dupla é mais famosinha e foi uma amiga do trampo que me apresentou. Ela conheceu eles no Lollapalooza desse ano e amou! Eu curti e me viciei em duas músicas.
Descobertas Musicais de Junho: foto da dupla Twenty One Pilots com fundo vermelho

Stressed Out é uma delas e a mais conhecida. A outra (e a que eu mais gosto) é a Heavydirtysoul:

E essas são minhas dicas do mês.

Para quem gostou das indicações, fiz uma playlist com as músicas que mais gosto de cada, para quem tiver Spotify se jogar:

Anúncios

20º Cultura Inglesa Festival + Look

No dia 12 desse mês fui no festival anual da Cultura Inglesa ver Kaiser Chiefs ♥. Vou todo ano e acho um evento bem bacana: com entrada gratuita e, caso compre o ingresso pela internet, custa só R$5,00. Bandas legais e organização bem feita, além de ser SUPER fácil de chegar (do lado do metrô Barra Funda, no Memorial da América Latina).

Estava bem frio e fui com um look bem básico: calça cintura alta preta, t-shirt preta, cinto com a fivela trabalhada e um trench coat preto.

Blog Bruna Nobre: 20º Cultura Inglesa Festival + Look

Nos pés meu sapato da Mundial (sempre me perguntam onde comprar, ele está disponível na loja online da loja AQUI) e nas costas minha velha mochila, companheira de shows.

 

Agora, voltando ao festival (que dessa vez teve um defeito bem grave): o som estava abrindo e fechando, ou seja, ora ficava bem alto e ora ficava bem baixo, o que não deu pra curtir 100%. Outra coisa que me decepcionou foi que depois do show da Nação Zumbi (muito bom!) ninguém ao meu redor aplaudiu. Achei falta de educação e bem mesquinho, ainda mais se tratando de uma banda brasileira incrível e super respeitada.

Aqui o setlist da banda:

Mateus Enter
Defeito Perfeito
Foi de Amor
Tomorrow Never Knows (The Beatles cover)
Um satélite na cabeça
O Cidadão do Mundo
Cicatriz
A Message To You Rudy (The Specials cover)
Banditismo Por Uma Questão de Classe
Novas Auroras
A Melhor Hora da Praia
Time of the Season (The Zombies cover)
Manguetown
Chinagirl (David Bowie cover)
Maracatu Atômico
Quando a Maré Encher

Além dos shows, o evento oferecia um espaço Spotify que eu não tive coragem de entrar por conta da fila enorme. Também haviam barraquinhas de comida para quem quisesse comer e beber (nada alcoólico).

Eu e o Marcelo sentamos no chão do Memorial e ficamos esperando. Mais ou menos às 18:30 começou o show mais esperado! Eles são bem animados, interagem MUITO com o público e levanta todo mundo!

wp-1466208070048.jpg

O Ricky Wilson (vocalista) falou várias vezes com a galera e até se enfiou no meio da plateia.

Aqui o setlist da noite:

Everyday I Love You Less and Less
Ruffians on Parade
Everything Is Average Nowadays
Little Shocks
Parachute
Never Miss a Beat
Modern Way
Cannons
Hole in My Soul
Ruby
Take My Temperature
The Angry Mob
I Predict a Riot
Pinball Wizard (The Who cover)
Coming Home
Encore:
Misery Company
Oh My God (with ‘Na Na Na Na Naa’ snippet)

Num geral, foi uma experiência bem legal. Não vejo a hora do 21º Festival ano que vem 😉

Future Present Past: novo EP dos Strokes

Na sexta (03/06) The Strokes lançaram oficialmente seu novo EP, primeiro material da banda desde o Comedown Machine (em 2013). São 3 músicas inéditas (Drag Queen, OBLIVIOUS e Threat Of Joy) e um remix de OBLIVIOUS para matar a sede dos fãs por coisa nova!
Eu não achei TÃO TÃO minha cara, na verdade o último trabalho dos Strokes pelo qual me apaixonei fácil foi em 2011, com o Angles, e ainda estou mastigando esse Future Present Past.

Future Present Past: novo EP dos Strokes

Sou fã das raízes da banda e sinto falta daquela vibe early 2000’s. Mas devo dizer que eles trouxeram alguma coisa nostálgica dessa época para esse novo trabalho (principalmente em Threat Of Joy), Drag Queen traz também uma pegada mais anos 80 interessante, mas num geral o EP ainda está com a carinha das últimas diretrizes de música da banda.

Lembrando que tem fã que prefere MUITO mais a vibe nova deles, então acho que tudo depende do tipo de fã que você é. No meu caso (já disse que curto mais os primeiros álbuns) não estou toda amores – ainda -, mas deu uma alegria ouvir esse EP (especialmente as partes nostálgicas) e ele já tem lugar no meu celular para ouvir no busão. Acho que alguém que curte mais a fase Comedown Machine irá curtir mais o som e se apaixonar de primeira.

Para quem ainda não ouviu:

Guia de como escolher o look para festivais e shows

O Lollapalooza está chegando e resolvi fazer uma listinha de coisas que sempre penso antes de compor um look para show ou festival. Veja bem, não quero ditar regra de estilo, acho que uma das coisas mais bacanas desses eventos é a oportunidade da pessoa ir para expor sua personalidade por meio da música e estilo.

wp-1457561690693.jpg

Mas por ser rata de festivais (não tem um ano que eu não tenha ido em pelo menos um desde meus 18 anos) aprendi algumas dicas relacionadas ao CONFORTO que não abro mão. Até porque se você vai ficar horas em um lugar e o mais importante é curtir o show, a última preocupação que você tem que ter lá é se algo está te incomodando.

Então vamos lá

  1. Separe o que é essencial levar com você (mesmo! Tipo documento, remédio, celular, capa de chuva e só) e dê preferência para bolsas e mochilas pequenas/leves. Você vai ficar horas levando essas coisas nas costas/ombro. Não queremos chegar às 9 da noite com dor, né, isso seria péssimo 😦 É bom escolher bolsas em que seus pertences fiquem seguros (de perda, furto, etc ~ bolsas e mochilas com zíper são as que mais indico) e que ela vai te dar mobilidade para curtir o show numa boa, dançar, pular e fazer aquilo que te der vontade. PS: tenho uma amiga que sempre vai com uma pochete interna e acho mara! Não atrapalha o look e é super segura.
  2. O sapato para mim é um dos itens mais importantes, não apenas por questão de estilo, mas porque ele vai ser um dos grandes protagonistas para sua experiência ser boa ou não. A gente anda que nem um camelo de um palco pro outro e temos que ficar em pé por muito tempo. Opte por aquele sapato que você já usou outras vezes e tem certeza que NÃO vai machucar. Eu ainda levo curativos na mochila, caso algo não saia como planejado ou pra salvar alguma amiga. Já fui muitas vezes nos postinhos de emergência médica que ficam no espaço do show para fazer curativos e pegar esparadrapo, por isso hoje já vou preparada! Ah, e se o dia tiver probabilidade de chuva, procure calçados mais difíceis de molhar por dentro (se chover às 15h você ainda vai ficar mais umas horas no local, e não é legal estar com a meia molhada).Sapato para se usar em festivais
  3. Não use roupas caras ou que você tenha muito apego sentimental. Gente, eu falo isso em todo look que faço para ir em show: escolho roupas baratas, fáceis de adquirir novamente caso algo aconteça e que não vou ficar muito triste se danificar elas. Isso porque shows sempre são lugares propícios a muvuca e festivais ainda têm o plus da lama/terra/grama.

    wp-1457561965190.jpg

    Vestidinho que paguei R$30 na época

  4. Make a prova d’água para não melar com a chuva/suor/lágrimas e você ficar grilada de como está sua cara. Principalmente porque não tem espelhos por lá e eles provavelmente vão jogar fora os que você levar (na hora da vistoria da entrada), por isso já vá preparada para não precisar retocar a maquiagem. Um blush e batons que você sabe que tem mais habilidade em passar (com auxilio da tela ou câmera do celular) são itens bacanas de levar. Gosto de ir o mais natural, com pouca make (mas às vezes me dá  a loca e levo um batonzão mesmo ~que sei que vou conseguir passar~)
  5. Todo protetor solar do mundo (sua pele não deve sofrer, sua pele é amor).
  6. Cabelos: gente, nesses casos sempre escolho ir com o cabelo natural porque se chover não vou encanar com chapinha. Faço no máximo a franja. Caso você não se sinta a vontade, leve uma toquinha, capas de chuva e chapéu. Mas minha recomendação em festivais (e na vida) é abraçar o cabelo natural.Blog Bruna Nobre: guia de como escolher o look para festivais e shows
  7. Não faça muitas sobreposições. Veja o clima que vai fazer no dia e leve apenas o necessário: uma blusa não muito pesada, mas que ajuda muito a cortar o vento gelado da noite, tipo parkas e cardigãs. Já tive a experiência de carregar uma jaqueta de couro durante um dia todo e não foi legaaaal. Hoje levo camisas jeans ou de flanelas fáceis ao ponto de nem lembrar que elas estão lá.
  8. Roupa em geral: nada que te incomode de algum modo (aperte, dê coceira, limite os movimentos). Gosto de ir com shorts e às vezes vou com saias/vestidos que não voam e não me incomodam se eu tiver que sentar na grama. Calças eu evito porque se chover, a calça fica com a canela molhada a tarde toda, e se fizer calor eu derreto nelas! Então uso só se estiver muito frio.
  9. A água é sua melhor amiga. Se mantenha hidratada por mais que isso signifique ir mais vezes naquele banheiro químico nojento ou não ficar o tempo todo na grade. Cuide de você, girl!

São nove dicas simples, mas que pode dar um norte para quem é marinheira de primeira viagem ou sempre dá aquela sofridinha em festivais gigantes como o do próximo FDS.

Espero que vocês curtam muiiiiito!

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Sou fã dos Stones desde a minha pré adolescência e provavelmente é a banda que mais ouvi na vida (segundo meu profile no Last.fm). Logo, sábado foi um dos dias mais esperados ever. Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Foi a primeira vez que fui de pista (em show de estádio). Estávamos meio apreensivos, então chegamos razoavelmente cedo (antes das 18h). Fomos a pé do metrô Butantã até o estádio (com direito a uma pausa no meio do caminho para almoçar um hambúrguer) e pegamos pouca fila para entrar.

A pista estava bem de buenas nesse horário. Os telões eram maravilhosos, então fiquei mais tranquila no quesito de conseguir ver bem ou não (tenho 1,65m gente). Posso citar algumas vantagens, como o fato de poder usar cartão para comprar fichas e trocar por cerveja (coisa que nunca vi em arquibancadas). Você pode transitar melhor, o que significa que a espera pelo show não fica tão massante. Só não curti muito os banheiros do Morumbi, eram poucos para a quantidade de gente que tinha, nunca enfrentei uma fila tão grande em banheiros femininos quanto nesse.

Outra coisa bacana foram os copos personalizados que vinham junto com a cerveja

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Às 19h começou a abertura dos Titãs. Sensacional! O som estava pesado e com muita qualidade, e eles só tocaram clássicos. Segue a setlist:

Lugar Nenhum
AA UU
Diversão
Flores
Sonífera Ilha
Comida
Cabeça Dinossauro
Marvin
Desordem
Homem Primata
Polícia
Bichos Escrotos
Aluga-se (Raul Seixas cover)

Foi um show rápido, mas marcante.

Às 21h começou o grande show. Fiquei em uma rampinha no fim da pista, o que me garantiu ver o palco, além dos telões.

Começou com Jumpin’ Jack Flash (diferente de todos os últimos shows que começaram com Start Me Up), seguido de It’s Only Rock ‘n’ Roll.

Lá pela 5ª música o pessoal descobriu o esquema da rampa e começou a lotar. Para quem queria ver o show quieto isso não foi um problema, mas era um show dos STONES. DOS STONES. Eu meio que esperei por isso metade da minha vida e estava afim de abrir mão de uma imagem deles pequenininha no palco para dançar que nem o Mick Jagger. Sem contar que os telões davam super conta! Então desci para um lugar que estava bem vazio e dancei o resto do show inteiro.

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Charlie seu lindo!

Quero dar destaque para solos em músicas como Paint It Black e Miss You. Para mim o ponto alto da noite foi Gimme Shelter.

Eles tocaram Start Me Up logo depois, aliviando o medo de terem pulado ela completamente. Foi ótimo, mas acho que ficou meio deslocada no meio da setlist, porque não existe música melhor para abrir qualquer show que essa.

O encore veio com You Can’t Always Get What You Want, lindamente cantado com o Coral de São Paulo e terminou com (I Can’t Get No) Satisfaction, como já era esperado.

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

AMEI o show, super valeu a pena, fiquei com os olhos marejados em You Can’t Always Get What You Want (e olha que é uma música que não dou muita atenção). O Mick Jagger engraçadão como sempre fez piadas com os integrantes da banda, time de futebol e até coxinha (o salgado).

Na hora da saída aproveitamos o fato de estarmos no fim da pista e saímos direto, enfrentamos uma muvuca (de lei) e subimos até o Habib’s na Av. Prof Francisco Morato (que ainda estava vazio quando chegamos).

Achei a estrutura do show muito boa, impecável na parte visual, porém em alguns momentos do show o som ficava um pouco barulhento. Nada que atrapalhasse, para alguns diria que imperceptível. A organização que incluía funcionários (para dar informações, organizar filas, vender fichas, pegar cerveja, entregar pulseira de maior de idade) estava meio confusa. No quesito de emoção foi lindo!

Mas (nem acredito que eu, fãzona mais que tudo, vou falar isso. Mas tenho que ser sincera, né). Juntando tudo, o melhor show da minha vida foi o do David Gilmour. Nesse eu chorei que nem um bebê e estava tudo impecável. Os Stones estão disputando o segundo lugar com o Paul McCartney (eu esperava em não haver dúvidas deles ficarem em segundo lugar, mas tenho que dizer que há).

De qualquer maneira entrou para um dos melhores super master shows da minha vida e iria de novo se tivesse oportunidade (e dinheiro, rs).

Show: 10/10

Som: 9/10

Organização na entrada: 8/10

Comodidade: vou nem colocar aqui porque pista é de pé sem choro. Pelo menos tinha espaço para dançar e respirar.

Banheiro: 5/10 (que fila foi aquela??? E algumas cabines quebraram, não tinha papel 100% do tempo)

Comida: 7/10 (comparada a de shows em geral)

Preços: Um pedaço de pizza R$12, Budweiser R$10. Não é barato se compararmos com o preço dessas coisas no dia a dia, mas segue o padrão (bem carinho) dos shows em SP.

Organização na saída: 6/10

Setlist do show:

Jumpin’ Jack Flash
It’s Only Rock ‘n’ Roll (But I Like It)
Tumbling Dice
Out of Control
All Down the Line
She’s a Rainbow (escolha do povo por #)
Wild Horses
Paint It Black
Honky Tonk Women
Slipping Away (Keith Richards nos vocais)
Before They Make Me Run (Keith Richards nos vocais)
Midnight Rambler
Miss You
Gimme Shelter
Start Me Up
Sympathy for the Devil
Brown Sugar
Encore:
You Can’t Always Get What You Want (com o Sampa Coral)
(I Can’t Get No) Satisfaction

Apenas in love por esses velhos maravilhosos ♥

Ah, e sempre que vou em show encho meu snap de informação. Segue lá: bru.nobre 😉

Documentário AMY na NETFLIX

Aproveitei o carnaval para assistir o documentário sobre a Amy Winehouse, disponível na Netflix desde 1 de fevereiro, que conta a vida da cantora britânica em ordem cronológica, com vídeos caseiros e depoimentos dos familiares e amigos.

Blog Bruna Nobre: documentário AMY na Netflix

O doc é um dos grandes nomes do Oscar 2016 e foi o recorde de bilheteria no Reino Unido para um filme não-ficção, e por isso eu estava super ansiosa para ver.

Cumprindo o que promete, terminamos com uma visão diferente da cantora. Vemos uma garota tímida, porém com personalidade e extremamente talentosa, que cedeu aos seus problemas. Ter contato com momentos íntimos e despreocupados te dá a sensação de ser próximo de Amy, conhecendo sua história desde a infância em Londres, passando pelo relacionamento com Blake Fielder-Civil, depressões, porres, a luta contra as drogas, a perseguição da imprensa, até sua morte em 2011, com apenas 27 anos, por intoxicação alcoólica.

Definitivamente recomendadíssimo. Ah, e prepare o lencinho.

Programação dos bloquinhos de rua de SP

uCurte carnaval de rua? Que tal dar uma olhadinha em todos os blocos que vão rolar em São Paulo? Eu mesma descobri vários bloquinhos maras que não fazia ideia que existiam! Marquei com um ✔ e escrevi em verde do lado os bloquinhos que mais me interessaram e o porque (provavelmente não vou conseguir ir em todos, até porque tem dia que tem mais de um bloco legal), mas achei bacana compartilhar toda a lista de blocos que vão desfilar a partir de amanhã.

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Então bora colocar na agenda 😉

29/01

Bloco Arrianu Suassunga desfila em Pinheiros – https://goo.gl/VZB8uV

Bloco Nega Fulô e Palhaço Bebum desfila na Bela Vista –https://goo.gl/zjAnVh

Vem Ni Mim que Eu Tô com Tudo desfila no Jardins –https://goo.gl/cAOQ7k

30/01

Kolombolo Diá Piratininga desfila na Vila Madalena – https://goo.gl/DrlSmO

Bloco Ritaleena homenageia Rita Lee na Vila Madalena  (Tia Rita Lee em marchinha, auto explicativo)https://goo.gl/hOaAfF

Passaram a Mão na Pompéia desfila na zona oeste –https://goo.gl/3xNd1E

Bloco Banda Grande Família pula Carnaval em Moema –https://goo.gl/uPb3Fl

Bloco Belém Belém, Agora Eu Tô de Bem desfila na zona leste –https://goo.gl/F2IiBu

Bloco Me Fode Que Eu Sou Produção sai da Praça Roosevelt em 2016   (a galera do cinema e do teatro é amor!) https://goo.gl/1DgB9p

Bloco Unidos do Acarajé desfila na Santa Cecília – https://goo.gl/rk2ZUC

Bloco Filhos da Santa sai no bairro de Santa Cecília –https://goo.gl/QRP644

Bloco Volta Amélia realiza cortejo na Vila Madalena –https://goo.gl/ThzDQG

Bloco Banda Bicha desfila no pré-Carnaval de Guarulhos –https://goo.gl/K9J5LQ

Bloco Pau Brasil desfila pelas ruas do Bixiga – https://goo.gl/ZWC3vL

Bloco Bando 7 canta a Vila Madalena – https://goo.gl/81lKKM

Bloco A Ema Gemeu de Canto a Canto toma as ruas de Pinheiros e da Vila Madalena – https://goo.gl/xBAsfi

Bloco Nu Interessa faz cortejo beneficente na Vila Madelena –https://goo.gl/7hsmmi

Bloco Avisa Lá exalta clássicas do axé na Vila Madalena –https://goo.gl/GX1aET

Bloco Mamãe Eu Quero brinca o Carnaval no Sumaré –https://goo.gl/3qcSV8

Bloco do Ó desfila na Vila Madalena – https://goo.gl/kqjyHa

Bloco Oxente brinca o Carnaval nordestino em SP   (Nordeste = ♥ e na página do evento andam dizendo que vai tocar Nação Zumbi) – https://goo.gl/vhBUL7

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Bloco Flamengo de Vila Maria sai na zona norte – https://goo.gl/UAhk3m

Bloco do Baligão desfila em Pinheiros – https://goo.gl/azRz3n

Bloco Soviético desfila em Cerqueira César – https://goo.gl/0FKYNj

Bloco do Sargento Pimenta desfila na Avenida Santos Dumont* MUDOU, AGORA É NA AV. TIRADENTES   (Beatles, gente, Beatles!)https://goo.gl/O6Iw55

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Bangalafumenga desfila na Avenida Santos Dumont –https://goo.gl/LvL10b

Bloco da Ressaca do Cambuci desfila pelas ruas do bairro –https://goo.gl/OBWf40

Bloco do Onze pula Carnaval no Ipiranga – https://goo.gl/64sUoh

Embaixadores da Maloca do Barbosa em Santo André –https://goo.gl/bnjKHd

Bloco Saia de Chita desfila na Pompeia – https://goo.gl/7brjyp

Bloco do Delega desfila em Guarulhos – https://goo.gl/5g299L

Bloco Zica faz concentração no Largo da Batata – https://goo.gl/Ercv93

Alceu Valença puxa o Bloco Bicho Maluco Beleza no Parque do Ibirapuera  (Morena Tropicana, Eu quero teu sabor. Ai! Ai! Ioiô! Ioiô!) – https://goo.gl/8EHgMk

31/01

Bloco Acadêmicos do Baixo Augusta (conta com a presença da Tiê, Tulipa Ruiz como madrinha, Marcelo Rubens Paiva de porta estandarte e a musa Alessandra Negrini de rainha e ainda vai ter homenagem ao Bowie ♥)– http://on.fb.me/1Sc2ecZ

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Nóis Trupica Mais Não Cai desfila na Vila Madalena – https://goo.gl/IJho2m

Bloco Vá Tomá na Cupecê debuta no Jardim Prudência –https://goo.gl/MxRlpI

Bloco do Pequeno Burguês desfila em Santana – https://goo.gl/9iTriU

Bloco Amigos da Vila Mariana sai pelas ruas do bairro –https://goo.gl/EpjVYk

Bloco Pau Brasil desfila pelas ruas do Bixiga – https://goo.gl/ZWC3vL

Bloco Confraria do Pasmado desfila em Pinheiros – https://goo.gl/1agfEc

Bloco dos Piratas debuta em Osasco – https://goo.gl/rUxm8H

Tiago Abravanel comanda o bloco Gambiarra na Faria Lima – https://goo.gl/RlF1k1

Bloco Rolezinho da Crioula desfila na Vila Madalena –https://goo.gl/Bxuen2

Bloco Acadêmicos da Nove de Julho estreia nas ruas da Bela Vista –https://goo.gl/BS3R7A

Falamansa puxa o Bloco Rindo à Toa na Faria Lima –https://goo.gl/Kq0G8N

Monobloco pula Carnaval no Parque do Ibirapuera – https://goo.gl/aIjP2s

02/02

Bloco Umes Caras Pintadas desfila no Bixiga – https://goo.gl/g9ToZK

03/02

Banda do Candinho desfila no Bixiga – https://goo.gl/PDZvfh

Bloco do Jatobá desfila em Itaquera – https://goo.gl/QoWIWK

 

04/02

Bloco A PUC Que Te Pariu desfila em Perdizes – https://goo.gl/N3agnc

 

06/02

Bloco 77 – Os Originais do Punk desfila na Vila Madalena   (Punk rock em marchinha. Sabe o que é isso? Gabba gabba hey!) – https://goo.gl/QghV7L

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Sidney Magal no Carnaval de Rua de SP  (porque a a Cigana Sandra Rosa Madalena é a mulher com quem eu quero me casar ♥)http://on.fb.me/1JEuHFk

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Bloco Banda das Cachorras desfila na Praça da Toco –https://goo.gl/bNPYvT

Bloco do Beco desfila no Jardim Ibirapuera – https://goo.gl/SZHzj8

Bloco Bastardo divulga datas de seus cortejos – https://goo.gl/2H62lZ

Tarado Ni Você desfila no centro com a temática Tieta ✔ (esse tem toda a cara da Bahia, comemorando Caetano e homenageando Jorge Amado) –https://goo.gl/HOnbwK

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Bloco Urubó desfila na Freguesia do Ó   (Freguesia + Frangó perto) – https://goo.gl/CEwVCa

 

07/02

Cordão Amigos Pratododia desfila na Barra Funda – https://goo.gl/RLVldZ

Bloco Bastardo divulga datas de seus cortejos – https://goo.gl/Mct8Xs

Bloco do Fuá desfila na Bela Vista – https://goo.gl/y8wmrT

Bloco Xaranga da Pompéia desfila pelas ruas do bairro –https://goo.gl/GIIn5W

Bloco do Hercu desfila no Jardim Herculano – https://goo.gl/goAmEG

Bloco Perdendo a Linha desfila no Caxinguí – https://goo.gl/FjoXpj

Bloco Unidos do Jardim Penha desfila pelas ruas do bairro –https://goo.gl/C1p2Gw

Bloco Urubó desfila na Freguesia do Ó  – https://goo.gl/9wpf52

Bloco do Desmanche brinca o Carnaval na Augusta  – https://goo.gl/DphjPI

 

08/02

Bloco Afro É Di Santo desfila pelas ruas do M’Boi Mirim –https://goo.gl/DCxf2A

Bloco Esfarrapado desfila no Bixiga – https://goo.gl/Sd1Wpn

Bloco Não Serve Mestre realiza cortejo na Vila Madalena –https://goo.gl/xo9oiB

Bloco La Vaca na Mata debuta no Itaim Bibi – https://goo.gl/b9dEoK

Bloco Bastardo divulga datas de seus cortejos – https://goo.gl/CnTTn0

Bloco Unidos do Swing desfila na Praça Roosevelt  (Tocam de Noel Rosa ao Jazz ♥)– https://goo.gl/heX2je

Lavapés desfila na Vila Matilde – https://goo.gl/p8DQ2G

BregsNice sai pelas ruas de Pinheiros (brega é super divertido, gente) – https://goo.gl/ubdGzA

 

09/02

Acadêmicos da Cerca Frango desfila em Perdizes –https://goo.gl/OSFK5W

Bloco Tô de Bowie homenageia o cantor pelas ruas da Santa Cecília  https://goo.gl/n3v8YW

Blog Bruna Nobre: programação dos bloquinhos de rua no carnaval de SP

Bloco Bastardo divulga datas de seus cortejos – https://goo.gl/Xqprgm

Bloco Urubó desfila na Freguesia do Ó  – https://goo.gl/y8Ud9o

 

12/02

Ma-que-bloco desfila na Rua Maria Antônia – https://goo.gl/dcjg8D

 

13/02

Bloco do Bagaça desfila na Lapa – https://goo.gl/C6kqok

Bloco Nu Vuco Vuco desfila na Lapa – https://goo.gl/Zh8718

Cordão do Jamelão toma as ruas da Bela Vista – https://goo.gl/sMGwDp

Bloco Se Joga invade as ruas da Vila Madalena – https://goo.gl/2RIeHN

Bloco Gonzagão desfila na zona oeste – https://goo.gl/YKeEui

Bloco Carnavalesco Belo Gole desfila na Vila Leopoldina –https://goo.gl/jHzx0z

Bloco Os Madalena desfila na Vila Madalena – https://goo.gl/Jsuhyj

Bloco do Água Preta desfila na zona oeste – https://goo.gl/ZG2NF7

 

14/02

Bloco Vou de Táxi faz concentração no bar Pirajá – https://goo.gl/7UyaTG

Bloco do Síndico interpreta canções de Tim Maia em ritmo carnavalesco   (Tim Tim)https://goo.gl/uqWsLP

Bloco da Dona Armênia desfila pelas ruas do bairro –https://goo.gl/CQAvzJ

Bloco Se Joga invade as ruas da Vila Madalena – https://goo.gl/BG41aU

20/02

Bloco Primavera, Te Amo celebra a estação mais florida do ano https://goo.gl/Bx5ejc

03/03

Monobloco e Sargento Pimenta fazem festa de Carnaval no Anhembi https://goo.gl/nKnQUB

 

Fonte: Catraca Livre

Vinil The Life Pursuit do Belle & Sebastian

Faz um tempinho que eu não escrevo sobre música, né? Resolvi então falar sobre essa nova aquisição MA-RA-VI-LHO-SA  ~ chegou semana passada! ~

Blog Bruna Nobre: VINIL THE LIFE PURSUIT DO BELLE and SEBASTIANEm 2014, a banda indie escocesa Belle & Sebastian anunciou que iriam relançar toda a coleção de vinis da banda. Ficamos sabemos disso apenas no finzinho do ano passado (eu e meu namorado) e lá fomos nós procurar LPs da banda.

Aqui no Brasil não encontramos nada online, então achamos o Life Pursuit, nosso álbum preferido, disponível na Amazon.uk AQUI  (já está mais caro do que quando compramos, pagamos mais ou menos R$100, agora, com o frete, daria uns 20 reais a mais).

As faixas são:

1. Act Of The Apostle
2. Another Sunny Day
3. White Collar Boy
4. The Blues Are Still Blue
5. Dress Up In You
6. Sukie In The Graveyard
7. We Are The Sleepyheads
8. Song For Sunshine
9. Funny Little Frog
10. To Be Myself Completely
11. Act Of The Apostle II
12. For The Price Of A Cup Of Tea
13. Mornington Crescent

Distribuídas em dois discos (sim, é duplo!).

Você também pode encontrar esse vinil na Discogs, por R$125 + frete AQUI (esse site tem gente do mundo inteiro vendendo vinis, cds, mp3 etc).

Um aviso para compras internacionais: já compramos vinis que não chegaram (uma parcela bem pequena comparada aos que chegaram, algo em torno de 3 para 50) e eles podem ser taxados! Então considerem essas possibilidades antes de comprar.

Para quem quiser encontrar aqui no Brasil, deixo algumas pistas. Achei esse site chamado Locomotiva Discos que vendia ele por R$100, mas está esgotado 😦 AQUI. Acho que não custa nada ligar e perguntar se há previsão de volta ao estoque ou se eles sabem algum outro lugar onde se possa encontrar. Aqui o telefone: (11) 3255 4963

Tem também a Baratos e Afins (não tão barata assim), que fica nas lojas 314/318 do 2º andar na Galeria do Rock. Os preços lá são meio salgados, tanto que prefiro enfrentar os fretes internacionais. Mas não custa nada tentar! Aqui está o telefone deles: (11) 3223-3629

Melhor site para ficar sabendo sobre shows internacionais

Como eu já disse aqui, sou rata de shows e festivais. Foi numa dessas minhas pesquisas loucas pela internet em busca de shows novos (se não me engano na época do Planeta Terra Festival, estava querendo descobrir o lineup), conheci esse site MA-RA-VI-LHO-SO pra vida. Sério, 10/10: o Rockin’ Chair

Primeiro precisa se cadastrar e criar seu perfil. Lá você escolhe os estilos musicais que mais curte, marca e dá nota aos shows passados e marca os futuros que você vai ou está interessada em ir. Sabe o que essa maravilha faz depois? Te envia notificações e e-mails avisando quando uma banda de possível interesse seu vai vir pro Brasil! E ainda te mantém atualizada sobre as novidades dos eventos que você pretende ir, como quando começam a venda de ingressos, se foi cancelado, se vai ter mais de um etc.

Esse daqui é um print do topo da página inicial:rinc22

Tem sua fotinha e embaixo o número de atualizações para você conferir. Se você clicar, abre a página com seus shows, notas, recomendações e as novidades.rocin23333

O que eles me recomendaram:rockin4

Minhas notinhas de shows ♥ :rock5

E a parte que eu mais gosto: OS E-MAILS!

Fiz uma busca rápida aqui na minha caixa de entrada e como vocês podem ver, eles te avisam de TUDO mesmo! É para não perder um show, minha gente.

Assim que aparece uma informaçãozinha na internet sobre lineups, quando começam as vendas de ingressos etc, você recebe minutos depois um e-mails deles ♥ e ainda mandam e-mail no dia que vai começar a venda de ingressos te lembrando de comprar.caixa2

Sério, não largo esse site mais NUNCA! A única coisa que falta para ficar perfeito é ter um aplicativo. Iria ser só amor ♥ mas as funcionalidades atuais já quebram um galhão na vida de quem, assim como eu, não para quieta quando sabe que há a possibilidade de uma banda ou artista mara estar vindo para o Brasil.

Show do David Gilmour 12/12 no Allianz Parque

Eu sou do tipo de pessoa que não recusa um show. Ainda mais quando é de um grande ídolo, como o Gilmour. Assim que sai nos sites de notícias rumores da vinda de algum deles, começo a seguir diariamente hashtags e notícias novas sobre o tema, e quando chega o dia de comprar o ingresso fico no f5 sem parar.

Bem, ontem chegou o grande dia.

Chegamos cedo (17:30hr). Apesar do show começar apenas às 21hr, os portões já estavam abertos desde às 16, e depois do show do Paul McCartney (em outubro do ano passado) ficamos um pouco traumatizados com o tumulto na entrada. Mas foi tudo bem tranquilo, nada de filas ou muita aglomeração.

Entramos no Allianz Parque, que estava mais vazio do que cheio, e escolhemos um bom lugar nas cadeiras superiores.

Enquanto o show não começava, nos distraímos com o WiFi free do estádio (qualidade super ok).

collagehoras

O show atrasou uns 20 minutos. A essa hora, o estádio já estava completamente lotado.

Assim que começou, com o telão em formato de circulo e todas aquelas luzes em volta, foi difícil segurar a emoção. Desde quando vi o Pulse, show do Pink Floyd da década de 90, em VHS, queria muito ter vivido aquela experiência, e o show do David Gilmour tinha tudo para se assemelhar aquilo. Assim foi.

12338828_145420935823239_1864566748_ngg

Simplesmente não consegui segurar às lágrimas em Us And Them. Shine On You Crazy Diamond foi perfeita. Wish You Were Here, High Hopes, Money, Time e Sorrow arrepiaram. São músicas que você ouve durante toda sua vida, mas alí, naquele momento, ao vivo, parece que você nunca escutou coisa mais linda. Por isso amo ir em shows, você vive a música naquele momento.

Mas o show não foi apenas músicas do Pink Floyd, né. Apesar de no ingresso vir escrito Pink Floyd’s David Gilmour, essa turnê é para divulgar o seu novo álbum, o Rattle That Lock. Honestamente, eu ainda não havia me apegado muito ao álbum além da faixa título, mas durante o espetáculo acabei me apaixonando por outras faixas, como In Any Tongue e The Girl in the Yellow Dress. As animações que passavam no telão durante as músicas ajudavam a transmitir ainda mais a ideia do que elas queriam passar.

O estádio inteiro vibrou ao som de Run Like Hell, e Comfortably Numb veio para fechar tudo com chave de diamante. AINDA ESTOU TENTANDO PROCESSAR O QUE FOI AQUILO. O som perfeito, de uma das músicas mais amadas da vida, junto a um show de luzes e fumaça que projetavam formas em cima da multidão e 40 mil pessoas com o mesmo sentimento. Posso considerar esse o melhor show da minha vida! Desbancando o Paul McCartney no Allianz Parque que, infelizmente, foi prejudicado por uma péssima qualidade de som durante toda a primeira parte do show, e o Roger Waters no Morumbi, com The Wall. Ouvir Run Like Hell e Comfortably Numb com o Gilmour deu MUIIITO mais emoção do que com o Waters. Achei o som e a organização melhores também.

Na hora da saída, esperamos o lugar dar um esvaziada para não pegar a hora máxima do tumulto, mas mesmo assim a rua estava abarrotada de gente que não sabia para onde ir. Saída de shows em geral são sempre bem confusas.

Mas minhas considerações finais é que o show valeu super a pena, desde a qualidade impecável e as emoções, até a organização e estrutura, que apesar de possuírem alguns defeitos, foi superior comparadas a de outros shows em que já fui. E aqui estão as notinhas completas:

Show: 10/10

Som: 10/10

Organização na entrada: 8/10 (Os portões abriram as 16hrs e o show estava marcado para começar às 21hr. Creio que graças a isso, as pessoas começaram a chegar em horários diferentes, evitando tumulto e filas em um único horário. Porém na hora da revista, pediram para eu ir para uma fila que não eram das cadeiras superiores e depois tive que voltar.)

Comodidade: 8/10 (fiquei na arquibancada, sentada de boa. A disposição do estádio possui vários banheiros distribuídos, então sempre havia um acesso próximo.)

Banheiro: 7/10 (comparados a banheiros de shoppings)

Comida: 7/10 (comparada a de shows em geral)

Preços: Um pedaço de pizza R$12, Budweiser R$10. Não é barato se compararmos com o preço dessas coisas no dia a dia, mas segue o padrão (bem carinho) dos shows em SP.

Organização na saída: 6/10

Pontos positivos: Wifi do Allianz Parque \o/

Setlist:

Set 1:
5 A.M.
Rattle That Lock
Faces of Stone
Wish You Were Here (Pink Floyd)
A Boat Lies Waiting
The Blue
Money (Pink Floyd)
Us and Them (Pink Floyd)
In Any Tongue
High Hopes (Pink Floyd)
Set 2:
Astronomy Domine (Pink Floyd)
Shine On You Crazy Diamond (Parts I-V) (Pink Floyd)
Fat Old Sun (Pink Floyd)
On an Island
The Girl in the Yellow Dress
Today
Sorrow (Pink Floyd)
Run Like Hell (Pink Floyd)

Encore:
Time (Pink Floyd)
Breathe (Reprise) (Pink Floyd)
Comfortably Numb (Pink Floyd)

Simplesmente apaixonada por ter feito meu primeiro texto aqui falando sobre esse show maravilhoso! ❤