Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Sou fã dos Stones desde a minha pré adolescência e provavelmente é a banda que mais ouvi na vida (segundo meu profile no Last.fm). Logo, sábado foi um dos dias mais esperados ever. Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Foi a primeira vez que fui de pista (em show de estádio). Estávamos meio apreensivos, então chegamos razoavelmente cedo (antes das 18h). Fomos a pé do metrô Butantã até o estádio (com direito a uma pausa no meio do caminho para almoçar um hambúrguer) e pegamos pouca fila para entrar.

A pista estava bem de buenas nesse horário. Os telões eram maravilhosos, então fiquei mais tranquila no quesito de conseguir ver bem ou não (tenho 1,65m gente). Posso citar algumas vantagens, como o fato de poder usar cartão para comprar fichas e trocar por cerveja (coisa que nunca vi em arquibancadas). Você pode transitar melhor, o que significa que a espera pelo show não fica tão massante. Só não curti muito os banheiros do Morumbi, eram poucos para a quantidade de gente que tinha, nunca enfrentei uma fila tão grande em banheiros femininos quanto nesse.

Outra coisa bacana foram os copos personalizados que vinham junto com a cerveja

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Às 19h começou a abertura dos Titãs. Sensacional! O som estava pesado e com muita qualidade, e eles só tocaram clássicos. Segue a setlist:

Lugar Nenhum
AA UU
Diversão
Flores
Sonífera Ilha
Comida
Cabeça Dinossauro
Marvin
Desordem
Homem Primata
Polícia
Bichos Escrotos
Aluga-se (Raul Seixas cover)

Foi um show rápido, mas marcante.

Às 21h começou o grande show. Fiquei em uma rampinha no fim da pista, o que me garantiu ver o palco, além dos telões.

Começou com Jumpin’ Jack Flash (diferente de todos os últimos shows que começaram com Start Me Up), seguido de It’s Only Rock ‘n’ Roll.

Lá pela 5ª música o pessoal descobriu o esquema da rampa e começou a lotar. Para quem queria ver o show quieto isso não foi um problema, mas era um show dos STONES. DOS STONES. Eu meio que esperei por isso metade da minha vida e estava afim de abrir mão de uma imagem deles pequenininha no palco para dançar que nem o Mick Jagger. Sem contar que os telões davam super conta! Então desci para um lugar que estava bem vazio e dancei o resto do show inteiro.

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Charlie seu lindo!

Quero dar destaque para solos em músicas como Paint It Black e Miss You. Para mim o ponto alto da noite foi Gimme Shelter.

Eles tocaram Start Me Up logo depois, aliviando o medo de terem pulado ela completamente. Foi ótimo, mas acho que ficou meio deslocada no meio da setlist, porque não existe música melhor para abrir qualquer show que essa.

O encore veio com You Can’t Always Get What You Want, lindamente cantado com o Coral de São Paulo e terminou com (I Can’t Get No) Satisfaction, como já era esperado.

Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

AMEI o show, super valeu a pena, fiquei com os olhos marejados em You Can’t Always Get What You Want (e olha que é uma música que não dou muita atenção). O Mick Jagger engraçadão como sempre fez piadas com os integrantes da banda, time de futebol e até coxinha (o salgado).

Na hora da saída aproveitamos o fato de estarmos no fim da pista e saímos direto, enfrentamos uma muvuca (de lei) e subimos até o Habib’s na Av. Prof Francisco Morato (que ainda estava vazio quando chegamos).

Achei a estrutura do show muito boa, impecável na parte visual, porém em alguns momentos do show o som ficava um pouco barulhento. Nada que atrapalhasse, para alguns diria que imperceptível. A organização que incluía funcionários (para dar informações, organizar filas, vender fichas, pegar cerveja, entregar pulseira de maior de idade) estava meio confusa. No quesito de emoção foi lindo!

Mas (nem acredito que eu, fãzona mais que tudo, vou falar isso. Mas tenho que ser sincera, né). Juntando tudo, o melhor show da minha vida foi o do David Gilmour. Nesse eu chorei que nem um bebê e estava tudo impecável. Os Stones estão disputando o segundo lugar com o Paul McCartney (eu esperava em não haver dúvidas deles ficarem em segundo lugar, mas tenho que dizer que há).

De qualquer maneira entrou para um dos melhores super master shows da minha vida e iria de novo se tivesse oportunidade (e dinheiro, rs).

Show: 10/10

Som: 9/10

Organização na entrada: 8/10

Comodidade: vou nem colocar aqui porque pista é de pé sem choro. Pelo menos tinha espaço para dançar e respirar.

Banheiro: 5/10 (que fila foi aquela??? E algumas cabines quebraram, não tinha papel 100% do tempo)

Comida: 7/10 (comparada a de shows em geral)

Preços: Um pedaço de pizza R$12, Budweiser R$10. Não é barato se compararmos com o preço dessas coisas no dia a dia, mas segue o padrão (bem carinho) dos shows em SP.

Organização na saída: 6/10

Setlist do show:

Jumpin’ Jack Flash
It’s Only Rock ‘n’ Roll (But I Like It)
Tumbling Dice
Out of Control
All Down the Line
She’s a Rainbow (escolha do povo por #)
Wild Horses
Paint It Black
Honky Tonk Women
Slipping Away (Keith Richards nos vocais)
Before They Make Me Run (Keith Richards nos vocais)
Midnight Rambler
Miss You
Gimme Shelter
Start Me Up
Sympathy for the Devil
Brown Sugar
Encore:
You Can’t Always Get What You Want (com o Sampa Coral)
(I Can’t Get No) Satisfaction

Apenas in love por esses velhos maravilhosos ♥

Ah, e sempre que vou em show encho meu snap de informação. Segue lá: bru.nobre 😉

Anúncios

Um comentário sobre “Show dos Rolling Stones 27/02 no Morumbi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s