Linha EOS (evolution of smooth): amores e decepções

No último ano os EOS lip balms brotaram nas necessaires de um monte de gente, inclusive na minha. Meu primeiro amorzinho foi o Sweet Mint, verdinho claro. Ele hidratava super os lábios, e bem rápido. Isso além de dar uma sensação gostosa de esfriar a região por causa da menta (e ser super fofinho, adoro esse tom de verde).

Processed with VSCO with hb1 preset

Velhinho já, de tanto carregar dentro da bolsa

Em outubro desse ano aconteceu alguma coisa com os meus lábios. Eles começaram a ficar mega ressecados, de rachar e até mesmo cortar quando eu bocejava, um absurdo!
Minha boca nunca havia ficado tão ressecada assim. E quando ficava um pouquinho a mais que o normal, era só passar um Bepantol a noite que resolvia. Só que dessa vez fiquei meses, e tentava de tudo para hidratar: o velho Bepantol, camomila, tomar muiiita água, até passei óleo nuxe e nada! E além disso, eu estava enchendo meus lábios de balm, claro. Até parei de usar batom líquido matte (pois achava que poderia ser isso), mas nada da minha boca voltar ao normal.

Até que um dia eu estava numa lojinha de cosméticos e vi outros balms da EOS. O meu de sweet mint estava acabando, e resolvi comprar um diferente: o roxinho, de Blackberry Nectar.

Processed with VSCO with hb1 preset
Gente, foi coisa de um ou dois dias: meus lábios voltaram ao normal!
Depois de um tempo, passei o restinho do de menta, e eles começaram a ressecar de novo. Constatei então que o meu problema foi (muito possivelmente) causando pelo EOS Sweet Mint 😦

Acho bacana avisar, porque NUNCA na minha vida imaginaria que era isso. Foi uma coincidência eu, naquele momento, resolver trocar aquele balm (no qual eu era viciada). Sem contar que os problemas apareceram do nada, ele funcionava super bem quando eu comecei a usar. Talvez por alguma substância diferenciada na composição (como a que dá a sensação de geladinho). E olha que eu não tenho alergia a praticamente nada nessa vida.

Então fica a dica, tomem cuidado e prestem atenção 😉

Plus: Hand Lotion Fresh Flowers da EOS

Esse creminho de mão comprei junto com o Lip Balm roxinho. Honestamente, não achei ele tão bom. Já usei de marcas mais baratas que tiveram um resultado melhor.

Processed with VSCO with hb2 preset

Outra decepção: o preço. Lá fora esse creme para as mãos custa menos que o Balm, e eu comprei aqui pelo preço de cremes de mão da linha Ekos, da Natura, do qual o creme de castanha do pará dá de 10 a 0. O balm foi mais barato (em média 30 reais em lojinhas físicas, e dá para achar por 13 na internet).

Então essas são minhas considerações finais: apesar de ser o balm das famosas, estou com um pé atrás com eles. Ficarei atenta a qualquer mudança nos meus lábios, e o creme para as mãos deixou a desejar (pelo menos pelo preço que é vendido no Brasil).

Processed with VSCO with hb1 preset

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s